projeto catavento

Catavento

Descentralização dos instrumentos culturais.

Considerando que quando analisamos os mapas da cidade de São Paulo: Da Violência e dos Instrumentos culturais, se observa que onde existem mais violências são as regiões desprovidas de Instrumentos culturais, e o que tem menos violências são os que tem mais instrumentos culturais.

Vamos entender que Instrumentos culturais podem ser espaços físicos ou atividades que venha a contribuir para a cultura e educação do povo.

Se tivermos uma gestão que possa facilitar os acessos à instrumentos culturais estaremos preparando os cidadãos para a fuga da ignorância, alem de mostrar caminhos e criar oportunidades para os talentos naturais existentes em toda a cidade.

Focando inicialmente nas crianças, seguindo do adolecente até atingir toda a sociedade. A cultura como um óculos para o miope. Fazendo com que as pessoas vejam horizontes de oportunidades para o crescimento pessoal e familiar.

A Descentralização.

Se for implantado Programas culturais em periferia, começando com um espaço que possa agregar Biblioteca, Anfiteatro simples, que seja uma construção sustentável com energias elétricas por meio de Placas Fotovoltaicas ou por Energia eólicas. Que a construção tenha reuso de água, bem como horta urbana e vegetações com árvores nativas favorecendo a fauna.

Projeto Catavento

   O projeto Catavento que agrega uma Biblioteca que funciona como uma célula do sistema de biblioteca do Município, onde o cidadão consegue acesso à livros existentes na cidade, mediante agendamento, sem a nescessidade de se deslocar até a Biblioteca Central.

    Da Biblioteca central saem os livros solicitados pela Unidades das periferias chamadas de Catavento, de acordo com a demanda. Deixar mais acessível os livros para os cidadãos é a proposta.

   Os edifícios Cataventos espalhados pela cidade de maneira padrão e com comunicação visual igual para ser identificado em qualquer bairro da cidade. Prestando sempre o mesmo serviço e sob a responsabilidade de Associações ou Ongs locais.

   As atividades culturais devem ser planejadas para que toda a cidade receba tanto filmes, palestras bem como peças teatrais sejam iguais em todas as unidades da cidade, fazendo que estas atividades se tornem itinerantes.

 A proposta arquitetônica segue uma linha de peças pré moldadas.

Neste espaço é possível também ter pequenos shows musicais acústicos.

3 comentários em “projeto catavento”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *